Agende uma consulta
  • captcha

Fertilidade Prorrogada



Ginecologistas do Abathon comentam o artigo da  revista Veja São Paulo

Ginecologistas do Abathon

 

 

A Veja São Paulo (19/08/15) publicou em matéria de capa um artigo muito interessante sobre congelamento de óvulos.

 

Com o ritmo de vida atual da mulher, realmente os planos da maternidade acabam postergados em muitos casos.

Infelizmente a natureza não se adapta à essa mudança de planos.
A mulher, diferentemente do homem, nasce com todos seus óvulos já formados. Ao nascimento, apresenta cerca de 1.000.000 de óvulos nos dois ovários, na adolescência, quando inicia os ciclos menstruais, esse número já é 400.000 e vai diminuindo conforme o passar dos anos até chegar próximo a zero no período da menopausa.

 

Além da diminuição do numero, ocorre também o “envelhecimento” destes óvulos, diminuindo sua qualidade e capacidade de fecundação pelo espermatozoide e aumentando o risco de problemas genéticos.

 

O avanço da medicina pode representar uma adaptação à mudança do comportamento reprodutivo da mulher moderna.

 

Com a melhoria das técnicas de congelamento de óvulos (vitrificação), o que era recomendado apenas para pacientes com alguns tipos de câncer mostrou-se uma opção cada vez mais comum para uma parcela das mulheres à partir dos 30 anos. Como toda evolução da medicina, não se aplica à todas as pessoas, devendo ser avaliados muitos aspectos: social, econômico, emocional que envolvem a tomada desta decisão. A avaliação deve ser individualizada.

 

Por exemplo, para mulheres que já apresentam situação de união estável é muito mais simples pensar em antecipar um pouco os planos de gestação e engravidar naturalmente ou até mesmo congelar embriões (óvulo já fecundado pelo espermatozoide).

 

Realmente a técnica de congelamento de óvulos representa mais uma possibilidade para a mulher moderna realizar o sonho da maternidade. Difundir esta informação como faz a revista Veja é muito importante.

 

Procura por congelamento de óvulos quase dobra em clínicas da capital

 

 

Dr. Cézar Noboru Matsuzaki

 

Dra Denise H.F. Yanasse Ortega

 

Dr. Luiz Fernando de Oliveira Henrique