Agende uma consulta
  • captcha

Vídeo-Laparoscopia Ginecológica

Cirurgia minimamente invasiva,tem o objetivo de ser diagnóstica (Vídeo-Laparoscopia Diagnóstica) e ao mesmo tempo realizar o tratamento de doenças da pelve feminina (Vídeo-Laparoscopia Cirúrgica).

É realizada sob anestesia geral, com a incisão de 1,0cm no umbigo, pela qual introduz-se o laparoscópio para avaliação da pelve (útero, trompas e ovários). Feito o diagnóstico da doença, realiza-se duas a três punções acessórias de 0,5 a 1,0cm na parte inferior do abdome, para passagem dos instrumentais cirúrgicos que realizarão o tratamento.

Tem como principais vantagens à cirurgia tradicional, menor tempo de internação (24h em média) e recuperação pós-operatória melhor (restabelecimento rápido da paciente com menor dor). Além disso, diminui a incidência de aderências e dores pélvicas.
As principais indicações são:

– Aderências pélvicas
– Cistos ou tumores de ovários e trompas
– Correção de incontinência urinária
– Dor pélvica aguda ou crônica
– Endometriose
– Gravidez ectópica
– Histerectomia (retirada do útero)
– Infecções pélvicas complicadas
– Infertilidade
– Laqueadura tubárea
– Malformações uterinas
– Miomectomias